Casório | A busca pelo vestido

Quem me segue nas redes sociais viu que eu estive em Chicago no mês passado fazendo compras. Na verdade, fui fazer um treinamento de uma semana em St. Charles (uma cidadezinha próxima a Chicago) e aproveitei para ficar mais uma semana para procurar pelo vestido e comprar algumas coisas do enxoval.

Até então eu não tinha procurado pelo vestido por aqui, apenas guardava as fotos dos modelos que eu gostava. Também não tinha muita ideia do tipo de modelo que eu queria, sabia apenas o que eu não queria. Antes da viagem pesquisei pelas lojas em Chicago e cheguei a ver alguns catálogos online.

A busca pelo vestidoO primeiro dia de busca foi frustrante!  Primeiro porque algumas lojas estavam fechadas. Segundo porque os vestidos que eu tinha gostado pelo catálogo online não estavam disponíveis. E terceiro porque só então caiu a ficha de que eu realmente iria casar. Foi turbilhão de sentimentos! Eu estava certa (e ainda estou rs) de que é isso que eu quero, porém, embora estivesse me achando linda com os vestidos, não estava me sentido bem dentro deles. Não me via entrando na capela com eles, aliás, não conseguia me ver entrando com nenhum vestido at all!! Fiquei frustrada, desanimada e deixamos a busca para o dia seguinte.

No outro dia, voltamos nas lojas que estavam fechadas no dia anterior e procuramos por lojas novas. Na primeira loja já tive uma surpresa: amei um vestido e definitivamente achei um modelo em que eu me sentisse bem dentro dele. Na segunda loja, achei outro vestido lindo e a dúvida parou. Eu iria comprar um dos dois. Até que fomos à terceira loja com a intenção de procurar pelo vestido da minha mãe.

Chegando lá, a loja era tão grande que me animei em experimentar mais vestidos. Fui apresentada ao Brad, um estilista que iria me ajudar. Ele sentou comigo e perguntou o que eu estava procurando, sorte que naquela altura eu já sabia! Ele me mostrou o catálogo da loja para que eu visse os modelos e mostrasse para ele quais eu gostava. Experimentei mais de 20 vestidos! Brad certamente já estava perdendo a paciência (e eu também!), até que ele trouxe O VESTIDO! Assim que sai da cabine com ele, minha mãe disse: “É esse!” e eu concordei. Ficou perfeito, certinho no meu corpo, não precisaria fazer nenhum ajuste, nem a bainha! Melhor impossível!

Assim que eu decidi que era aquele, todos os funcionários da loja vieram me ver e Brad me deu um sininho. Falou para fazer um pedido para mim e para meu noivo e tocar o sininho ao final. Foi muito emocionante! Chorei muito! Estava feliz por finalmente ter encontrado o vestido do grande dia!

A busca pelo vestido_eu e bradDurante esses dois dias de busca, percebi algumas coisas que devemos levar em consideração ao procurarmos pelo vestido de casamento e compartilho aqui com vocês (quem sabe não vou ajudar outras noivinhas):

  • Estilo de casamento e horário: o vestido deve estar adequado ao estilo da festa que você terá e ao horário da mesma. O vestido a ser usado em um casamento no Copacabana Palace, por exemplo, não será o mesmo de um casamento na praia;
  • Conforto: vesti diversos vestidos que não eram confortáveis. Lembre-se que depois da cerimônia temos a festa e certamente você vai querer dançar;
  • Leveza: também vesti vários vestidos que eram muito pesados, parecia que eu estava carregando um peso;
  • Não saia muito do clássico: Lembre-se que o álbum de casamento ficará para sempre e o ideal é que daqui a 20 anos você possa vê-lo e não sintir raiva de você mesma por ter usado algo muito diferente;
  • Procure modelos que valorize o seu corpo: essa é uma dica que não serve só para vestidos de casamentos, mas é válido falar para você não errar justamente no seu grande dia;
  • Vista o que te faz bem e se sinta linda com ele;
  • Ao achar o vestido, pare de procurar: depois que você já comprou o vestido não tem porque continuar procurando, isso só vai te deixar angustiada e na dúvida se o vestido que você comprou realmente era o ideal.

E vocês, já tiveram a experiência de procurar pelo seu vestido de noiva? Conte para mim aqui nos comentários como foi esse momento. 😉

Comments

  1. isabela correia says:

    Comprei meu vestido em miami mês passado. É sempre emocionante achar O vestido né? Pra mim foi um pouco mais fácil. Na primeira loja lá pelo sétimo vestido eu achei o meu… só pra comprar a grinalda q eu sofri, oh dúvida cruel!!! Hahaha bjocas

    • Oi Bela!
      Que bom te ver por aqui! Realmente é muito emocionante achar o vestido! De todas as coisas do preparativo do casório, o vestido foi o único que realmente me fez chorar que nem bebê rsrsrs.
      Acredita que até agora não achei minha grinalda? É a única coisa me falta! Eu não comprei nos EUA pq já tinha visto umas no Brasil que eu amei, mas até agora não resolvi isso rsrss
      Super beijo!

  2. Me identifiquei total com você nesse post!! rs Eu desde sempre tinha um modelo na cabeça… fui a uma loja e provei diversos modelos, mas sabe quando não bate? Ai eu fui a uma outra loja, a principio só pra provar outros vestidos tbm, sem intenção de fechar com eles… eu mostrei pro estilista o desenho que eu tinha e ele pegou um parecido para que eu provasse… ai pegou um veu, prendeu meu cabelo, me deu uma flor pra segurar e naquele momento eu me vi como noiva!! hahah Sentamos para que ele fizesse o desenho, ele foi desenhando e meu sonho foi se tornando realidade… e eu falando: tem que trazer uma água que daqui a pouco minha mãe vai chorar… só que quem começou a chorar fui eu assinando o contrato do meu vestido dos sonhos =)

    • Que lindo Samy! Nossa, minha mãe também chorou junto comigo! Esse é um momento muito especial mesmo! Fico feliz por ter achado o vestido dos seus sonhos! Depois quero saber como ficou!
      Super beijo!

  3. Débora says:

    Ahhh me emocionei aqui lendo que você se emocionou, acredita?

    É uma grande emoção vestir o vestido de noiva, comigo não foi diferente. Como casamos na igreja não queria um modelo tão decotado (me vi com vergonha do padre rsrsrs) e foi baseado nisso que escolhi meu modelo.

    Ansiosa pra te ver de noiva.

    Beijos.

    • Que lindo querida! Obrigada pelo carinho! = ]

      Escolher o vestido é bem complicado mesmo. Pelo menos já começamos a procurar sabendo o que não queríamos! Acho que se eu fosse casar na igreja, também sentiria vergonha do padre rsrsrs

      Também estou super ansiosa! Agora mais que nunca!
      Bjão

Trackbacks

  1. […] depois da escolha do vestido (contei aqui) que a ficha caiu e percebi que eu realmente iria casar. A partir de então, a ansiedade começou a […]

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Saminp in Morocco

My journey to Morocco / Minha jornada ao Marrocos

30 antes dos 30

O dia a dia na vida de uma quase balzaquiana

PapodeHomem

Just another WordPress.com site

Spicy Vanilla por Cinthia Ferreira

Tudo o que gostamos de papear com as amigas (e com os amigos também)...

Dia de Beauté

Porque quase nada é tão legal quanto maquiagem

MakeUp Atelier por Cinthia Ferreira

Tudo o que gostamos de papear com as amigas (e com os amigos também)...

%d blogueiros gostam disto: